"Espero ter agradado", afirma Mário Fernandes após estreia na Seleção Lateral do CSKA Moscou

Mário Fernandes, lateral da seleção brasileira (Foto: Reprodução SporTV)
A moderna e desenvolvida cidade de Cingapura foi a sede do último amistoso da seleção brasileira, sob o comando do técnico Dunga. Lá, o Brasil venceu o Japão por 4 a 0, com algumas caras já conhecidas, como Neymar, autor de todos os gols. Mas a partida também serviu para apresentar novidades, que ganham a missão de modernizar o time. Exemplo foiMário Fernandes, que estreou com a amarelinha usando o número 16.
Mostrando pés no chão e ponderação, o lateral-direito admitiu que caminha aos poucos, com tranquilidade. E deixou uma declaração no ar para que o próprio Dunga tire suas conclusão a respeito do jogador do CSKA Moscou (assista ao vídeo).
- É a minha primeira atuação, indo aos poucos, com tranquilidade, com calma. E espero que tenha agradado ao professor Dunga - disse.

 O primeiro tempo estava um pouco difícil. A equipe deles estava marcando forte. Mas no segundo tempo a equipe foi muito bem e acabou fazendo os gols - avaliou.
O lateral também observou que o Japão conseguiu impor uma forte marcação na etapa inicial, e que foi nos 45 minutos finais que a Seleção deslanchou.
Em setembro de 2011, quando ainda estava no Grêmio, o jogador chegou a ser convocado pelo técnico Mano Menezes para integrar a seleção brasileira em amistosos contra a Argentina. Mas não foi utilizado
VERDADE GOSPEL
Compartilhar no Google Plus

About Pr joão Monteiro

Postar um comentário

Obrigado Pela Sua Visita

Membra-se na rede

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

"Espero ter agradado", afirma Mário Fernandes após estreia na Seleção Lateral do CSKA Moscou

Mário Fernandes, lateral da seleção brasileira (Foto: Reprodução SporTV)
A moderna e desenvolvida cidade de Cingapura foi a sede do último amistoso da seleção brasileira, sob o comando do técnico Dunga. Lá, o Brasil venceu o Japão por 4 a 0, com algumas caras já conhecidas, como Neymar, autor de todos os gols. Mas a partida também serviu para apresentar novidades, que ganham a missão de modernizar o time. Exemplo foiMário Fernandes, que estreou com a amarelinha usando o número 16.
Mostrando pés no chão e ponderação, o lateral-direito admitiu que caminha aos poucos, com tranquilidade. E deixou uma declaração no ar para que o próprio Dunga tire suas conclusão a respeito do jogador do CSKA Moscou (assista ao vídeo).
- É a minha primeira atuação, indo aos poucos, com tranquilidade, com calma. E espero que tenha agradado ao professor Dunga - disse.

 O primeiro tempo estava um pouco difícil. A equipe deles estava marcando forte. Mas no segundo tempo a equipe foi muito bem e acabou fazendo os gols - avaliou.
O lateral também observou que o Japão conseguiu impor uma forte marcação na etapa inicial, e que foi nos 45 minutos finais que a Seleção deslanchou.
Em setembro de 2011, quando ainda estava no Grêmio, o jogador chegou a ser convocado pelo técnico Mano Menezes para integrar a seleção brasileira em amistosos contra a Argentina. Mas não foi utilizado
VERDADE GOSPEL
Postar um comentário