Quebra gelo: Os fósforos e a garrafa

Local:
Em qualquer lugar, melhor numa sala onde não haja ar.
Material:

Fósforos e garrafa.
Objetivo:
Estar juntos, brincar.
Realização:
Individualmente.
Preparação:
Colocar uma garrafa no meio de um círculo de pessoas. A garrafa pode ser colocada no chão ou, melhor ainda, em cima de uma mesa. A cada participante entrega-se o mesmo número de fósforos (normalmente entre 6 e 8 por pessoa), com o cuidado de que quanto menor é o número de participantes, maior tem de ser o número de fósforos por pessoa.
Desenvolvimento do quebra gelo:
Explicar que cada participante deverá colocar um fósforo por vez sobre a boca da garrafa de maneira que fique em equilíbrio e não caia nem dentro nem fora da garrafa. Desta forma, um por vez coloca um fósforo sobre a boca da garrafa, em sentido horário ou anti-horário, mas respeitando a mesma seqüência. A finalidade é conseguir ficar sem fósforos na mão. Quando acontece que colocando o fósforo se derrubem outros, a pessoa deverá recolher todos os fósforos derrubados e esperar a vez.
A experiência nos diz que...
Se a brincadeira é realizada ao redor de uma mesa, é preciso prestar atenção para que ninguém empurre a mesa fazendo cair os fósforos na hora em que os adversários estão colocando-os. Em caso de se realizar a brincadeira ao ar livre, certificar-se de que não haja muito vento, para não dificultar a colocação dos fósforos.
Igreja Batista Ebenezer de Cristais
Compartilhar no Google Plus

About Pr joão Monteiro

Postar um comentário

Obrigado Pela Sua Visita

Membra-se na rede

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Quebra gelo: Os fósforos e a garrafa

Local:
Em qualquer lugar, melhor numa sala onde não haja ar.
Material:

Fósforos e garrafa.
Objetivo:
Estar juntos, brincar.
Realização:
Individualmente.
Preparação:
Colocar uma garrafa no meio de um círculo de pessoas. A garrafa pode ser colocada no chão ou, melhor ainda, em cima de uma mesa. A cada participante entrega-se o mesmo número de fósforos (normalmente entre 6 e 8 por pessoa), com o cuidado de que quanto menor é o número de participantes, maior tem de ser o número de fósforos por pessoa.
Desenvolvimento do quebra gelo:
Explicar que cada participante deverá colocar um fósforo por vez sobre a boca da garrafa de maneira que fique em equilíbrio e não caia nem dentro nem fora da garrafa. Desta forma, um por vez coloca um fósforo sobre a boca da garrafa, em sentido horário ou anti-horário, mas respeitando a mesma seqüência. A finalidade é conseguir ficar sem fósforos na mão. Quando acontece que colocando o fósforo se derrubem outros, a pessoa deverá recolher todos os fósforos derrubados e esperar a vez.
A experiência nos diz que...
Se a brincadeira é realizada ao redor de uma mesa, é preciso prestar atenção para que ninguém empurre a mesa fazendo cair os fósforos na hora em que os adversários estão colocando-os. Em caso de se realizar a brincadeira ao ar livre, certificar-se de que não haja muito vento, para não dificultar a colocação dos fósforos.
Igreja Batista Ebenezer de Cristais
Postar um comentário