Mostrando postagens com marcador EBENEZER. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador EBENEZER. Mostrar todas as postagens

Obrigado Pela Sua Visita

Membra-se na rede

Mostrando postagens com marcador EBENEZER. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador EBENEZER. Mostrar todas as postagens

sábado, 24 de junho de 2017

JEOVÁ JIRÉ Deus que nos socorre e nos ajuda quando precisamos.

O nome JEOVÁ JIRÉ nos fala do Deus que nos socorre e nos ajuda quando precisamos.
JEOVÁ é o EU SOU que se revela a nós e JIRÉ significa provisão (ajuda, socorro) e também previsão porque Deus sabe tudo o que precisamos (Mateus 6.8). então JEOVÁ JIRÉ é aquele que se revela sendo nosso ajudador quando precisamos.


Quando Abraão foi ao monte sacrificar seu filho, ele creu que Deus providenciaria uma solução e disse pela fé que Deus daria um cordeiro para o holocausto. O Senhor lhe providenciou o cordeiro.
O povo de Deus no deserto também recebeu inúmeros livramentos da parte de Deus. Suas roupas e calçados não se gastaram, não adoeceram, recebiam o alimento (maná e codornizes) todo dia, água fluiu da rocha e Deus lhes defendeu das feras e inimigos.
Jesus também se mostrou com JEOVÁ JIRÉ, quando transformou a água em vinho, na pesca maravilhosa, na multiplicação dos pães e peixes e nas curas que realizava além de ser Ele mesmo, a maior provisão (Cordeiro) para a salvação do mundo.
Você já precisou de uma provisão do Senhor?
Quando precisar de ajuda creia que JEOVÁ JIRÉ te socorre.
É necessário que ela cresça e eu diminua João 3:30

















quinta-feira, 22 de junho de 2017

CORRENTE JEOVÁ JIRÉ O SENHOR PROVERÁ – (Gn 22.1-18)

SEXTA FEIRA COMEÇA A CORRENTE JEOVÁ JIRÉ O SENHOR PROVERÁ – (Gn 22.1-18)
Cultos: Segunda: Oração / Terça:Célula
Quarta:Discipulado / Sexta Libertação
Sábado Jovens / Domingo:da Família
Igreja Batista Ebenezer em cristais EM TEMPO DE AVIVAMENTO
UMA IGREJA VIVA EM CÉLULAS VIVAS
Rua Virgílio de Paula Gonçalves 150
O Senhor Proverá - Jeová - jiré - (Gn 22.1 - 18)
O SENHOR PROVERÁ – JEOVÁ –JIRÉ – (Gn 22.1-18):
2011-06-07 00:54


O SENHOR PROVERÁ – JEOVÁ –JIRÉ – (Gn 22.1-18):

Neste relato, aparece a revelação poderosa de Deus, o Deus que provê, o Deus todo poderoso e fiel, que prova aos que o amam e aprova aos que o obedecem e verdadeiramente crer no seu poder provedor.


I – DEUS DEU UMA ORDEM (Gn 22. 1,2):

A história de Abraão, antes Abrão (Gn 11.27), é extensa, a partir do capitulo (12)do livro de Gênesis, passamos a conhecer este herói da fé, desde a sua chamada, apresentando-se como um fiel servo do Senhor.

A chamada de Abrão, exigiu dele fé; segurança naquele que o mandou sair de sua terra, parentela, da casa de seu pai para “errantemente” ir a uma terra desconhecida.

Desse mandato de Deus, segue-se promessas, não só para ele, mas para a sua esposa que era estéril e avançada em dias, de terem um filho, como também engrandecer a sua descendência.(Gn 12.7).

No capitulo(15), Deus promete a Abrão um filho, o conhecido filho da promessa Isaque, no capitulo(17) não mais se chamava Abrão(pai da altura), mas passou a ser chamado Abraão(pai de uma multidão),e no capitulo(21) Deus cumpre com a sua promessa, nasce Isaque(risos). Mas a ordem do trecho de Gn 22.1,2; é: “toma agora o teu filho; o teu único filho, Isaque, a quem amas, vai-te á terra de Moriá; e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi”.


II – PARA QUEM ESTÁ DISPOSTO A RENUNCIAR O SEU MELHOR, DEUS ESTÁ DISPOSTO A SE REVELAR COMO SEU SUPREMO PROVEDOR:

Tudo na Bíblia são exemplos e revelações para a igreja nos dias atuais. A vida de Abraão e sua renúncia suprema, nos traz muitas lições para se alcançar vitorias e receber revelações diretas de Deus.

Abraão logo cêdo,de madrugada se levantou, preparou seu jumento e tomou consigo dois de seus moços, e claro, o que ele tinha de mais precioso, seu filho Isaque, o filho da promessa(v3). Nos diz a Bíblia que ao terceiro dia Abraão avista o lugar do sacrifício de longe(v4).

É glorioso o que vemos na narrativa Bíblica, o testemunho da fé de um homem, igual a mim e a você, Abraão diz aos moços que o acompanhavam para ficarem em certo lugar porque ele e seu filho, iriam ao local avistado para adorar a Deus e retornariam. A convicção de que Deus iria cumprir com as promessas feitas a sua semente, não o fez em nenhum momento vacilar(v5).

Não duvide das bênçãos provenientes da salvação, se a salvação por meio do sacrifício de Cristo na cruz, promete remissão dos pecados pelo sangue derramado, você está salvo, se nas pisaduras de Cristo, no seu corpo dilacerado foram as enfermidades, Ele te cura hoje(Is 53.4,5), tome posse da sua benção filho(a) de Abraão pela fé. Ele em glória supre as tuas necessidades.(Fp 4.19).


III – O “DEUS PROVERÁ”, PROVEU AS MAIORES BENÇÃOS. (Gn 22.6-18):

Agora estamos no ápice do acontecimento, Abraão toma a lenha, põe sobre Isaque, prepara tudo, inclusive o cutelo já estava na mão para imolar a oferta, o cordeiro para o holocausto.

Isaque indaga a seu pai, ‘onde está o cordeiro para o holocausto?’ Abraão não titubeia na resposta e diz: ‘Deus mesmo há de prover o cordeiro para o holocausto’, e continuaram a caminhada.

Chegou ao local, edificou um altar, em ordem deichou a lenha e amarra a Isaque, seu sangue, seu filho amado, o mais precioso de sua vida e o deitou-o sobre o altar em cima da lenha, uma cena forte, um ser humano para ser imolado, sangue humano iria jorrar, ser derramado. O texto diz que Abraão estendeu a mão, tomou o cutelo ou faca para sacrificar, imolar, como imolava a um animal seu querido filho.

‘Abraão!Abraão!’ brada o anjo do Senhor, ele responde:‘eis-me aqui’, ‘não toque no rapaz!’ disse o anjo, ‘não lhe faça nada’, agora sei que você teme a Deus, porque não me negou seu filho, seu único filho’. Abraão ergue os olhos e vê a providencia divina, um carneiro preso pelos chifres num arbusto. Pegou e o sacrificou no lugar de Isaque, e deu o nome daquele lugar de ‘no monte do Senhor se proverá’.

Cristo é o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, Isaque prefigura justamente a Jesus cristo, no lugar de muitos, em resgate de você Jesus deu a sua vida(Mc 10.45). Abraão não negou seu único filho, Deus não negou se único filho Jesus, só que o sacrifício de Cristo foi bem superior,maior e perfeito que qualquer sacrifício já efetuado, Ele é o cordeiro de Deus, perfeito, sem mancha, sem defeitos, seu sangue é poderoso, seu nome transmite autoridade, está acima de qualquer nome.
Deus te ama de uma tal maneira que deu seu único filho para morrer em seu favor(Jo 3.16; Rm 8.32).

A salvação te alcança agora, Ele perdoa teus pecados, Ele sara as tuas enfermidades, há plena libertação em Jesus cristo. As palavras salvo,saravam encontradas nos Evangelhos, foram traduzidas do verbo grego:(SOZO), algumas delas:Mc5.23(sare);Mc16.16(salvo);Lc8.36(salvo); At2.21(salvo);At14.9(curado); Ef2.8(salvos);Lc18.42(salvou);Tg5.15(salvará);Mc5.28(salvarei),At 4.9;4.12(curado) e muitos outros.

Não tolere o pecado em sua vida, Jesus levou os teus pecados na cruz, as enfermidades Ele levou sobre si (Mt 8.17b); verdadeiramente Ele tomou sobre si (Is 53.4).

Você acabou de conhecer a palavra de Deus e vem agora a fé pela palavra, tome posse a tenha em sua vida a revelação de Jeová-Jiré, o Senhor que provê, inclusive a salvação.


Leia mais: http://mensagenspoderosas.webnode.com.br/products/o-senhor-provera-jeova-jire-gn-22-1-18-/
É necessário que ela cresça e eu diminua João 3:30

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Como Deus Vai Restaurar Seu Casamento

Porque ele faz a chaga, e ele mesmo a liga; ele fere e as suas mãos curam” (Jó 5:18)

É estarrecedor o número de casais que estão passando pela síndrome da separação e do divórcio. Casamentos desfeitos representam alianças quebradas, destruídas. Não me refiro ao objeto circular de ouro, mas à promessa feita no Altar de DEUS, o que é mais grave. Casamentos por mais santificados que sejam, por mais abençoados, por mais corretos que pareçam, são de competência exclusiva dos cônjuges. Assim como também as causas que os levam ao fracasso. Tudo é de inteira responsabilidade do casal: as conquistas e os fracassos. DEUS é a bússola, o guia, o orientador. A Sua santa Palavra já nos foi revelada. Está aí há milênios de anos para obedecermos ou não. Isso também cabe a nós.

Outro dia visitei um site cristão e fui direto aos “Pedidos de Oração”. Verifiquei quase duzentos pedidos de pessoas espalhadas por todo o Brasil. A cada dez pedidos, sete se destinavam à restauração de casamentos. O melhor é que, graças a DEUS, há pessoas ainda que acreditam que DEUS pode e vai restaurar os seus casamentos. E o número de pessoas que não entraram no site, mas que já entregaram os pontos, achando que seus relacionamentos não há mais jeito, que tudo está perdido? E a quantidade de pessoas que já estão divorciadas e até já se casaram outra vez?

Por isso, eu quero deixar uma palavra certa neste estudo: DEUS é o maior interessado na restauração do seu casamento. Se ELE não quisesse mais que os cônjuges permanecessem casados, simplesmente tiraria a vida de um ou do outro, pois como a Sua Palavra afirma, segundo casamento apenas na morte de um dos cônjuges: “a mulher está ligada ao marido enquanto ele vive; mas se o mesmo morrer, desobrigada ficará da lei conjugal. De sorte que será considerada adúltera se, vivendo o marido, unir-se a outro homem; porém, se morrer o marido, estará livre da lei e não será adúltera se contrair novas núpcias” (Romanos 7:2-3). O apóstolo Paulo ratifica essas mesmas palavras em 1 Coríntios 7:39. Pois se DEUS uniu, só ELE pode separar: “Portanto o que DEUS uniu não separe o homem”(Mateus 19:6).

A premissa “uma vez casados, casados até que a morte os separe” é radicalmente verdadeira e válida. DEUS detesta o divórcio como está apregoado com clareza no livro do profeta Malaquias capítulo 2, versículo 16. Portanto não adianta querer pôr outro fundamento além do que já está posto. DEUS é o mesmo. ELE nunca mudou o seu pensamento a cerca da família que abençoou, nem nunca mudará.

Todo fracasso matrimonial tem as suas causas. Umas maiores, outras menores. Umas fáceis de serem consertadas; outras bastante difíceis e complicadas. Aos olhos humanos, tudo pode parecer impossível. Mas nós, cristãos, servimos a um DEUS que tem mostrado ao longo dos tempos que não há impossível para ELE. Não há mar que não se abra, não há ondas que não se acalmem, não há morto que não ressuscite, não há enfermidade que não seja curada, pelo poder do Nome de JESUS CRISTO. DEUS poderia consertar um casamento apenas com uma palavra ou um toque, ou seja, instantaneamente. E por que assim ELE não faz? Porque a carpintaria de DEUS está localizada no deserto. O deserto é a escola dos filhos de DEUS, especialmente aqueles que não souberam obedecer antes, não fizeram conforme prometeram no Altar. DEUS é especialista em restaurar caráter. ELE agora não só vai moldar o caráter do marido, mas da esposa também. Os dois precisam ser machucados, quebrados, transformados; para que, adiante, quando estiverem completamente prontos, venham a viver plenamente a bênção do PAI, sem desperdiçá-la mais. O tempo na oficina de DEUS pode até ser doloroso, mas creia: ELE está trabalhando para tornar os dois melhores. Deixa DEUS trabalhar. Deixa DEUS agir. Deixa DEUS quebrar os vasos em suas mãos e fazê-los novos.

No tempo do deserto, DEUS também estará observando as suas atitudes. ELE quer ser adorado e glorificado nesse período. Não é tempo mais de murmurações, de olhar para trás, o que não deu certo ou quem foi o causador de tudo. Isso não mais interessa. DEUS está te ensinando a olhar para a frente, recuperando a sua fé. Se faltar comida, ELE providenciará. Se faltar água, DEUS a fará sair da rocha. Se as lágrimas forem muitas, DEUS tem um lenço eterno para enxugá-las. O tempo no deserto é o tempo da perseverança. O curioso é que tanto o marido como a esposa estão sendo tratados pelo mesmo Carpinteiro e no mesmo local. Mas não se vêem. DEUS não permite que não se encontrem ainda porque não é a hora. Se acaso ELE permitisse que se vissem fora do tempo, certamente sairiam reclamações, brigas e até xingamentos. DEUS está tirando isso dos dois, e aproveitando para ajustar outras áreas de sua vida que estava precisando de reparo. Lembra-se da soberba que existia em seu coração? Lembra-se de sua dificuldade de perdoar o próximo? Lembra-se de que você teve tantas e tantas oportunidades de procurar DEUS na Sua Casa, de adorá-LO, mas mesmo assim preferiu ficar em casa vendo televisão? DEUS havia ensinado: “Buscai primeiro o Reino de DEUS e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas” (Mateus 6:33).

Marido, você que hoje chora sozinho, longe da sua esposa, aquiete-se. Lembra-se do que DEUS havia dito a você? “Vós, maridos, amai a vossa mulher como Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela” (Efésios 5:25). Você não a amou como deveria. Esposa, por que choras tanto e com muita angústia em seu coração, desesperada porque teu marido a abandonou? Lembra-se do que Nosso DEUS também lhe ensinou? “Assim como a igreja está submissa a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo submissas a seu marido” (Efésios 5:24). Você não foi submissa a seu marido todo o tempo em que esteve com ele. DEUS também pediu que ambos suportassem um ao outro, que se amassem muito, respeitassem, se doassem, no mais profundo e verdadeiro amor. Não fizeram. Brigaram e se separaram. Agora DEUS os chamou para a Sua oficina. Com certeza, ELE não quer o mal do casal: “Porque o Senhor repreende aquele a quem ama, assim como o pai, ao filho a quem quer bem” (Provérbios 3:12). Já observou o aviso que consta na parede principal da oficina de DEUS? “Eis que te purifico, não como a prata, mas te provo na fornalha da aflição, por amor de mim, por amor de mim, é que isto faço” (Isaías 48:10-11).

DEUS agora está dizendo a você: “Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre as nações, serei exaltado sobre a terra” (Salmos 46:10). Nosso Senhor e Salvador tem pressa de restaurar o seu casamento. ELE vai restaurar. Aliás, já está no processo bem avançado, ainda que você não veja nada pelos seus olhos naturais, ainda que as nuvens pareçam carregadas sobre a tua vida. É hora de SANTIDADE e de OBEDIÊNCIA. Essas duas palavras são a chave da sua vitória. Segure-a firme e não a deixe cair. O diabo está furioso com você, mas não é à toa. Você decidiu entregar a sua causa a DEUS, diferentemente daqueles que se divorciaram e se casaram de novo e pensam ser felizes e abençoados. O diabo não os toca, porque estes estão fazendo a vontade dele. Esses não tiveram a fé que você teve de clamar ao DEUS Todo Poderoso. Você hoje sabe a seriedade com que DEUS trata o matrimônio. Essa batalha tem um General à frente chamado JESUS CRISTO, Aquele que venceu o diabo, venceu a morte e ao terceiro dia ressuscitou. Aleluia! A restauração do seu casamento é promessa certa a ser cumprida. Não se desespere! Creia! O tempo está bem próximo! Não precisaria nem você saber disso através de mim, nem através de louvores, nem mesmo por meio dos seus profetas. ELE garantiu, ELE irá cumprir tudo o que prometeu em sua vida. E em todas as coisas procure adorar e glorificar o Santo Nome do SENHOR.












































































































































































































































É necessário que ela cresça e eu diminua João 3:30